Receba meu informativo

O financiamento público, pelo BNDES, de R$ 146 milhões, para a ampliação de quartos do Hotel Gloria, tem servido para descaracterizá-los e reduzi-los de 610 para apenas 231 quartos.
NÚMERO DE ARTIGOS:8

Patrimônio Cultural no Rio: caranguejando…

Share on Facebook0Tweet about this on Twitter0
0

Nesta quinta-feira estava feliz. Ia, finalmente, escrever um blog elogiando uma ação do governo municipal em prol do patrimônio cultural da Cidade. Mas, no final da tarde, a confirmação do anúncio da venda das ruínas do ex-Hotel Glória me fez desistir de um artigo só de engrandecimentos.

Em matéria de preservação do patrimônio cultural da cidade é um prá frente e dois prá trás. Caranguejando e olhe lá. 

Leia mais ...

Hotel Glória, um patrimônio perdido

Share on Facebook22Tweet about this on Twitter0
0

Não houve tempo para que os cariocas lamentassem a perda do Hotel Glória. Hoje, pouco resta do local que já foi um imponente hotel que hospedou celebridades e Chefes de estado, além de espetáculos em seu inesquecível teatro.

Leia mais ...

“Estranha ironia”

Share on Facebook0Tweet about this on Twitter0
0

Confiram o desabafo da moradora do bairro da Glória, Silvia Steinberg, compartilhado por vários vizinhos dos quatro edifícios da Rua do Russel que fazem divisa com as obras do hotel Glória. 

Leia mais ...

Atuação Legislativa : Fiscalização parlamentar

Share on Facebook0Tweet about this on Twitter0
0

Diz-se, constantemente, que uma das tarefas dos parlamentares é a de fiscalização.  Mas não devemos nos enganar, pois a Constituição dá aos parlamentares poderes restritos de fiscalização.

Leia mais ...

Adeus, Hotel Glória – II: responsabilidades!

Share on Facebook0Tweet about this on Twitter0
0

O financiamento público de R$ 146 milhões, pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico Social (BNDES), para a “reforma” do histórico Hotel Glória foge à qualquer lógica do  discurso das autoridades

Leia mais ...

Adeus, Hotel Glória – I

Share on Facebook11Tweet about this on Twitter0
0

Os cariocas não tiveram tempo de chorar a perda do Hotel Glória.

O edifício que lá está, já não pode ser reconhecido como o imponente hotel que hospedou celebridades e Chefes de Estado, e que abrigou inúmeros espetáculos em seu inesquecível teatro.

Leia mais ...

Desmonte do Hotel Glória: anos de prejuízos e transtornos

Share on Facebook0Tweet about this on Twitter0
0

Em maio deste ano, nosso Gabinete registrou o cenário devastador do desmonte do Hotel Glória para a implantação do “Glória Palace”, e que tem alterado de forma significativa o cotidiano dos moradores de prédios da Rua do Russel, vizinhos das obras.

Leia mais ...

Desmonte do Hotel Glória traz transtornos à vizinhança

Share on Facebook0Tweet about this on Twitter0
0

Um cronograma “furado”, um projeto sem muitos detalhes e muitos “imprevistos”, somados ao barulho ensurdecedor de máquinas durante todo o dia, à poeira contínua e ao desconforto compulsório sem data prevista de finalização

Leia mais ...

 
  • Meio Ambiente 30 | Setembro | 2014
    Audiência

    A 4ª Câmara de Coordenação e Revisão (Meio Ambiente e Patrimônio Cultural) do MPF promove, no dia 13 de outubro, audiência pública para debater a Instrução Normativa nº 1/2014 do Iphan. A norma vai regulamentar a participação do órgão nos licenciamentos ambientais no âmbito federal, além de estabelecer parâmetros para a fiscalização da preservação arqueológica.

Aeroporto Benito Juarez (México)

Galeria completa aqui


  • A regra das infrações urbanísticas: 29 | Setembro | 2014
    A regra das infrações urbanísticas:

    "Mejor pedir perdon do que pedir permiso"; ou seja, comete-se a infração e depois é que se procura legalizá-la. Este ditado que pode ser verdadeiro em quase todas as burocracias sul-americanas e que faz o cidadão desanimar de cumprir a lei. Sugere que a "burocracia" do serviço público serve como uma janela para a corrupção na administração pública. No Brasil não é diferente. Quem não conhece o ditado: criar dificuldades para vender facilidades ? Eis aí uma proposta sem custos de investimentos para dar um passo positivo para a cidadania: dar transparência, clareza e simplicidade nos trâmites administrativos municipais, estaduais e federal. Vale também para leis pontuais, como das "varandas", que pretendem "regularizar" as ilegalidades urbanísticas.
  • Lagoas, esgotos e licenças para continuar poluindo 16 | Setembro | 2014
    Lagoas, esgotos e licenças para continuar poluindo

    Por que se licencia novas construções que vazam seus esgotos nas lagoas da Barra? 
  • Baia da Guanabara: despoluição, planejamento, licenças 10 | Setembro | 2014
    Baia da Guanabara: despoluição, planejamento, licenças

    Sobre a despoluição da Baía da Guanabara : passa, necessariamente, pelo controle do licenciamento das edificações nos municípios circundantes, pois são elas que jogam esgoto, in natura, nas águas.
  • Campo de Golfe: notícias sobre a Audiência ! 3 | Setembro | 2014
    Campo de Golfe: notícias sobre a Audiência !

    O Juiz Dr Eduardo Krausner conduziu a audiência para tentar viabilizar um acordo que permita a adequação do Campo de Golfe à preservação do meio ambiente, da Unidade de Conservação. 
  • Pode um campo de golfe justificar a desconstrução de uma unidade de preservação ambiental? 3 | Setembro | 2014
    Pode um campo de golfe justificar a desconstrução de uma unidade de preservação ambiental?

    A Lei Orgânica do Município do Rio não permite! Será esse o objeto de uma primeira decisão judicial debatida em Audiência neste dia 3, na 7ª Vara da Fazenda Pública, no Rio.  A decisão é liminar para paralisar as obras, enquanto é tempo.