Receba meu informativo

O financiamento público, pelo BNDES, de R$ 146 milhões, para a ampliação de quartos do Hotel Gloria, tem servido para descaracterizá-los e reduzi-los de 610 para apenas 231 quartos.
NÚMERO DE ARTIGOS:8

Patrimônio Cultural no Rio: caranguejando…

Share on Facebook0Tweet about this on Twitter0
0

Nesta quinta-feira estava feliz. Ia, finalmente, escrever um blog elogiando uma ação do governo municipal em prol do patrimônio cultural da Cidade. Mas, no final da tarde, a confirmação do anúncio da venda das ruínas do ex-Hotel Glória me fez desistir de um artigo só de engrandecimentos.

Em matéria de preservação do patrimônio cultural da cidade é um prá frente e dois prá trás. Caranguejando e olhe lá. 

Leia mais ...

Hotel Glória, um patrimônio perdido

Share on Facebook23Tweet about this on Twitter0
0

Não houve tempo para que os cariocas lamentassem a perda do Hotel Glória. Hoje, pouco resta do local que já foi um imponente hotel que hospedou celebridades e Chefes de estado, além de espetáculos em seu inesquecível teatro.

Leia mais ...

“Estranha ironia”

Share on Facebook0Tweet about this on Twitter0
0

Confiram o desabafo da moradora do bairro da Glória, Silvia Steinberg, compartilhado por vários vizinhos dos quatro edifícios da Rua do Russel que fazem divisa com as obras do hotel Glória. 

Leia mais ...

Atuação Legislativa : Fiscalização parlamentar

Share on Facebook0Tweet about this on Twitter0
0

Diz-se, constantemente, que uma das tarefas dos parlamentares é a de fiscalização.  Mas não devemos nos enganar, pois a Constituição dá aos parlamentares poderes restritos de fiscalização.

Leia mais ...

Adeus, Hotel Glória – II: responsabilidades!

Share on Facebook0Tweet about this on Twitter0
0

O financiamento público de R$ 146 milhões, pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico Social (BNDES), para a “reforma” do histórico Hotel Glória foge à qualquer lógica do  discurso das autoridades

Leia mais ...

Adeus, Hotel Glória – I

Share on Facebook11Tweet about this on Twitter0
0

Os cariocas não tiveram tempo de chorar a perda do Hotel Glória.

O edifício que lá está, já não pode ser reconhecido como o imponente hotel que hospedou celebridades e Chefes de Estado, e que abrigou inúmeros espetáculos em seu inesquecível teatro.

Leia mais ...

Desmonte do Hotel Glória: anos de prejuízos e transtornos

Share on Facebook0Tweet about this on Twitter0
0

Em maio deste ano, nosso Gabinete registrou o cenário devastador do desmonte do Hotel Glória para a implantação do “Glória Palace”, e que tem alterado de forma significativa o cotidiano dos moradores de prédios da Rua do Russel, vizinhos das obras.

Leia mais ...

Desmonte do Hotel Glória traz transtornos à vizinhança

Share on Facebook0Tweet about this on Twitter0
0

Um cronograma “furado”, um projeto sem muitos detalhes e muitos “imprevistos”, somados ao barulho ensurdecedor de máquinas durante todo o dia, à poeira contínua e ao desconforto compulsório sem data prevista de finalização

Leia mais ...

 
  • Artigo 4 | Março | 2015
    Campo de Golfe

    Vale a pena ler mais um excelente artigo da arquiteta urbanista Andréa Redondo sobre "os ditos pelos não ditos" do Prefeito do Rio, acerca das privatizações de terras públicas e os equipamentos Olímpicos; no caso, o Campo de Golfe na APA de Marapendi. Confira aqui.
  • E-book 3 | Março | 2015
    Sistema de Transporte

    O Observatório das Metrópoles promove o lançamento do e-book “Transição regulatória no transporte por ônibus na cidade do Rio de Janeiro”, de Igor Pouchain Matela. A obra aborda as mudanças e permanências do sistema de transporte na cidade do Rio a partir de 2010. Faça o download do livro aqui.

Espaço


Desmatamento no Parque do Flamengo

Galeria completa aqui

Espaço


Obras na Marina da Glória

Crédito: Halley Pacheco de Oliveira


  • Prefeitura de São Paulo e as árvores… 5 | Março | 2015
    Prefeitura de São Paulo e as árvores…
    0

    A Prefeitura de São Paulo avança e lança a sua terceira edição do Manual de Arborização Urbana.  Um exemplar que vale a pena e está disponível, gratuitamente, na internet. Enquanto isso, no Rio, continua a celeuma da poda indiscriminada de árvores urbanas pela Comlurb ou por empresa por ela contratada. Será que se ganha com base no peso do resultado da poda?   Após inúmeras reclamações, os vereadores deveriam apurar. E verificar também o desaparelhamento da Fundação Parques e Jardins. O que lhe restou como função?   Em São Paulo, esta função é de um Departamento/ Diretoria da Secretaria do Verde e Meio Ambiente.  Com tantas autorizações de cortes de árvores no Rio - milhares, nos últimos anos - feitas diretamente pelo gabinete do Secretário, pergunta-se: a Fundação do Rio virou figuração ?
  • Conselho Nacional de Justiça: isenção dos juízes 4 | Março | 2015
    Conselho Nacional de Justiça: isenção dos juízes
    1

    Nova resolução do Conselho de Nacional de Justiça reforça a busca pela isenção de juízes em julgamentos: aprovou nesta terça-feira, dia 3 de março, resolução no qual veda que juízes julguem causas patrocinadas por bancas de advocacia onde haja parentes do mesmo. "Art. 1º. Nos termos do disposto (...), o magistrado está impedido de exercer funções judicantes ou administrativas nos processos em que estiver postulando, como advogado da parte, o seu cônjuge, companheiro ou qualquer parente, consanguíneo ou afim, em linha reta; ou na linha colateral até o grau estabelecido em lei. Parágrafo único. O impedimento se configura não só quando o advogado está constituído nos autos, mas também quando integra ou exerce suas atividades no mesmo escritório de advocacia do respectivo patrono, como sócio, associado, colaborador ou empregado, ou mantenha vínculo profissional, ainda que esporadicamente, com a pessoa física ou jurídica prestadora de serviços advocatícios. Medida bem interessante. Todos os cidadãos, advogados ou não, devem colaborar no controle social da judicatura e ficar de olho! Confira aqui
  • Parque do Flamengo: FAM-RIO envia requerimento ao Conselho do IPHAN 30 | Janeiro | 2015
    Parque do Flamengo: FAM-RIO envia requerimento ao Conselho do IPHAN
    0

    A Federação das Associações de Moradores do Município do Rio de Janeiro (FAM-RIO), enviou, nesta sexta-feira, dia 30, requerimento ao Conselho Consultivo do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN)
  • Parque do Flamengo: FAM-RIO envia requerimento ao MPF 29 | Janeiro | 2015
    Parque do Flamengo: FAM-RIO envia requerimento ao MPF
    2

    A Federação das Associações de Moradores do Município do Rio de Janeiro (FAM-RIO), enviou requerimento ao Procurador do Ministério Público Federal Leonardo Cardoso, solicitando o embargo imediato das obras do atual projeto de revitalização do Parque do Flamengo / Marina da Glória para os Jogos Olímpicos
  • O outro lado do Carnaval do Rio 26 | Janeiro | 2015
    O outro lado do Carnaval do Rio
    2

    A euforia dos carnavalescos no Rio contrasta com as dificuldades de mobilidade na Cidade, disponibilidade de água, necessidade de silêncio e momentos de tranquilidade de cidadãos que precisam dormir para poderem trabalhar no dia seguinte.